sexta-feira, 12 de junho de 2015

SEPÉ TIARAJU AGORA EM LIVRO.

Uma noite de consagração da cultura missioneira marcou lançamento do livro Sepé Tiaraju
12 de Junho de 2015 -site AMM
As Missões Jesuíticas Guaranis representam o verdadeiro triunfo da humanidade. É preciso lutar para proteger o significado histórico destas ruínas, único patrimônio histórico-cultural do sul do país, reconhecido pela Organização das Nações Unidas. Com esta reverência, o escritor Alcy Cheuiche traduziu a importância de sua obra e do fotógrafo Leonid Streliaev: Sepé Tiaraju - Romance dos Sete Povos das Missões - , lançada na noite de quinta-feira (11/06), no Tenondé Park Hotel, em São Miguel das Missões.
Outro atrativo do evento foi a exibição do projeto do longa-metragem Utopia. O filme foi fundamentado na obra literária de Alcy Cheuiche, que conta a saga de Sepé Tiaraju, e foi apresentado pelo cineasta do projeto, Henrique Freitas Lima.
Tesouros missioneiros
Presidente da Associação dos Municípios das Missões (AMM), Angelo Fabiam Duarte Thomas salientou que nas duas obras, a mensagem é extremamente positiva, verdadeira, e fará com que cada vez mais pessoas conheçam a região. Sobretudo, os próprios missioneiros. "As duas iniciativas comprovam que, de fato, a nossa região é um dos maiores tesouros culturais do mundo", evidenciou Thomas.
A emoção traduzida não somente nas palavras, mas no olhar do romancista Cheuiche, enquanto expressava sua motivação para elaboração do livro, em dois idiomas (português e alemão), foi contagiante. O público teve o privilégio de contemplar momentos que, realmente, justificam o orgulho de ser missioneiro. A apresentação do coral de índios guaranis, que na simplicidade e devoção de suas canções remetem a um tempo em que perpetuava a paz e irmandade entre os povos, foi compartilhada com o silêncio e respeito de todos os convidados.
O mesmo reconhecimento teve o show com a família Ortaça, que torna qualquer ambiente em um grande espetáculo, sempre enaltecendo o valor da cultura guarani e traduzindo em suas músicas que "ser missioneiro é um estado de alma, de espírito"... Outra atração que encantou a todos foi o recital do jovem cravista, Fernando Cordella. O artista surpreendeu não apenas por seu talento ao tocar cravo - uma espécie de precursor do piano, com dicção própria, que teve sua época de ouro entre os séculos 16 e 18, marcando especialmente a música barroca - mas pela forma com que se declara um apaixonado pela música erudita do período pré-clássico.
Integração cultural e histórica
Prefeito anfitrião, Hilário Casarin, deus as boas-vindas, em nome de toda a equipe da administração municipal. "É com o coração cheio de alegria que estamos aqui para homenagear o nosso escritor Alcy Cheuiche que, certamente, depois de conhecer a região, vai falar bem da nossa terra missioneira. No dia de hoje, estamos vivenciando um grande momento de integração da cultura e da história das Missões", disse Casarin. Ele agradeceu a presença de todos os prefeitos, vices, secretários e servidores municipais, vereadores, imprensa, empresários, comunidade, além de outras entidades representativas e autoridades, que participaram do evento, que superou as expectativas pela exímia organização da equipe da Secretaria Municipal de Turismo de São Miguel das Missões
.
Panteão da Pátria Brasileira
O escritor Alcy Cheuiche e o fotógrafo Leonid Streliaev percorrem juntos as ruínas missioneiras. O fotógrafo iluminou com maestria as palavras do escritor, traduzidas na harmonia que os uniu na criação da obra. A apresentação do livro cita que a República Guarani, experiência única de uma verdadeira sociedade cristã, feita pelos jesuítas durante 150 anos na América do Sul, foi qualificada pelo filósofo Voltaire como um verdadeiro triunfo da humanidade.
No território, hoje brasileiro, existem sete cidades que a história batizou de Sete Povos das Missões. São Miguel Arcanjo é o principal palco da narrativa. Sepé Tiaraju, hoje alçado em Brasília, ao Panteão da Pátria Brasileira, unia às características atávicas da raça de uma cultura superior que adquirira com os padres jesuítas. o livro Sepé Tiaraju - Romance dos Sete Povos das Missões - é essencialmente a sua história.
Como adquirir o livro
Na avaliação do dirigente da AMM, o lançamento do novo livro bilíngue de Alcy Cheuiche, a exibição do projeto do magnífico longa-metragem Utopia, e as apresentações culturais foram emocionantes, dignificaram a festa, e cativaram a atenção dos presentes à história das Missões. "Foi uma noite de consagração da cultura missioneira, esta que passamos em São Miguel. Parabenizo, em nome da AMM e da Funmissões, os organizadores. Em especial, ao prefeito Hilário Casarin, lembrado e elogiado por todos, que em muito contribuiu para o sucesso do evento", concluiu Fabiam, que é prefeito de Giruá.
A Associação das Primeiras-Damas da AMM também esteve representada pela presidente Carolina Konzen Thomas, de Giruá, e pela primeira-dama de São Miguel, Fátima Casarin. Ao final, todos os participantes foram presenteados com um exemplar da obra, autografada com muita receptividade pelo autor Cheuiche. O livro Sepé Tiaraju - Romance dos Sete Povos das Missões - pode ser adquirido junto à Secretaria Municipal de Turismo de São Miguel das Missões, nos telefones: 55-3381 1294/1299.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ORGANIZAÇÃO DA FEIRA INTERNACIONAL MISSIONEIRA.

Organização da Feira Internacional Missioneira, marcou participação da AMM na reunião dos 30 Povos Jesuítico-Guarani 15 de Agosto de 2017...