sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

ESTUDO NA UFFS C.LARGO PESQUISA SOBRE COMPRAS PELA INTERNET.

Meninas de até 21 anos são as que mais compram pela internet, diz estudo do Campus Cerro Largo

Compras_online_ANA_BOBRZYK_6_opt-001Um estudo realizado com estudantes da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) – Campus Cerro Largo revelou que as meninas com até 21 anos, residentes na área urbana do município, são as que mais realizam compras virtuais. A pesquisa aponta também que a principal forma de pagamento é o boleto bancário, e as principais compras são roupas, calçados e livros, em um gasto médio entre R$ 101 e R$ 250.

Outro aspecto levantado pelo estudo foi o financeiro: a maioria dos entrevistados é dependente da ajuda dos pais (72,2%). Grande parte dos estudantes recebe um montante entre R$ 251 até R$ 500 (30,7%); 21,6% dos alunos recebem entre R$ 501 até R$ 750; 15,5% recebem entre R$ 751 e R$ 1000; 13,7% recebem mais de R$ 1000; e 7,6% recebem menos de R$ 250 mensalmente.
O questionário foi aplicado no mês de setembro de 2015 para uma amostra de 460 alunos da graduação e foi objeto de análise para o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) do acadêmico de Administração João Paulo Ames Pereira, orientado pela professora Monize Sâmara Visentini. O objetivo do trabalho foi identificar o perfil de consumidor virtual dos alunos da UFFS – Campus Cerro Largo. Um perfil de consumidor, segundo João Paulo, “é rastrear por meio das combinações de índice econômico, formas de pagamentos mais utilizadas, motivos para utilização, idade, gênero, entre outros pontos”, explica. Monize afirma que esse tipo de pesquisa “pode contribuir, principalmente, para o planejamento de estratégias de marketing das empresas da região que atendem a este público-alvo”, diz.
O TCC observou que apenas 11,4% dos alunos não tinham acesso à internet antes de ingressarem na UFFS, e a Universidade tornou-se o segundo lugar de onde mais acessam (40,5%), enquanto a moradia dos estudantes está à frente, com 43,1%. A principal motivação para acessar a internet, entre esses estudantes, são os fins acadêmicos (25,4%) e, em segundo lugar, as redes sociais (24,5%).
Sobre a sensação de insegurança na hora de comprar pela internet a maioria dos entrevistados considera seguro realizar compras virtualmente, sendo que o maior medo é com relação à chegada do produto. Por fim, verificou-se que grande parte dos respondentes – 75,4% – nunca tiveram problemas ao realizar compras pelo comércio eletrônico e 97,4% pretendem utilizar essa plataforma de compra novamente.
A aplicação do questionário foi feita pela Empresa Júnior do Campus. Os membros da Integração Júnior passaram nas salas de aulas entrevistando de forma aleatória os alunos. Mais detalhes sobre o estudo, bem como a obtenção da cópia do trabalho de conclusão, podem ser obtidos por meio do e-mail jotapepereira92@outlook.com Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. .

Nenhum comentário:

Postar um comentário

TEMPO BOM CIDADE VAZIA.

O Comércio de Cerro Largo terá mais uma semana  de pouco movimento, visto que os agricultores devem aproveitar o tempo firme e sol fort...