quarta-feira, 13 de abril de 2016

JUREMIR MACHADO E O TEMERÁRIO.

Temer, o temerário

Michel Temer representa o pior do Brasil: o oportunista, o traidor, o torturador da Constituição.
Isto é uma constatação.
Eleito na carona da presidente Dilma para ajudar a governar o país, conspira e passa recibo.
A sua cartinha chorosa do final do passado não foi um vazamento, mas uma mensagem.
Saiu pela culatra.
O seu discurso de posse vazado a partir de um grupo no wathsapp criado por Eliseu Padilha um dia antes nada tem de trapalhada. É visivelmente uma operação estudada, uma versão da Carta aos Brasileiros, para transmitir à nação o pensamento do candidato sobre os temas principais.
No recado, Temer joga para os empresários – será privatista – e para a plebe – conservará os programas sociais. Não pretende mudar votos. Quer baixar a pressão sobre os parlamentares que votarão.
Temer saiu do armário sem a coragem de uma declaração oficial.
Graças a ele a opinião dos brasileiros sobre política vai piorar.
Ficará ainda mais consagrada a ideia de que na política vale tudo, menos a lealdade.
O PMDB não pode se apresentar como paladino da luta contra a corrupção.
O seu moralismo é de ocasião.
Agora vai: Paulo Maluf, Roberto Jefferson e Eduardo Cunha vão limpar o país.
Michel Temer é o candidato dessa trinca impoluta.
O governo precisa pagar pelos seus erros.
A democracia, com as regras do jogo, deve ser preservada.
Por que será que a maioria dos intelectuais é contra o impeachment e o chama de golpe?
Será que estudar muito atrapalha o raciocínio?
Ou permite enxergar por trás das aparência?
Em outros lugares, Temer seria carta fora do barulho por quebra de confiança.
Como confiar num homem que passa recibo da sua traição?
Até quando pretensamente se retira para não ser acusado de conspiração, Temer é temerário.
Criticá-lo não significa defender a corrupção.
Significa que ele não é a saída.
Nem de emergência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ORGANIZAÇÃO DA FEIRA INTERNACIONAL MISSIONEIRA.

Organização da Feira Internacional Missioneira, marcou participação da AMM na reunião dos 30 Povos Jesuítico-Guarani 15 de Agosto de 2017...