sexta-feira, 1 de abril de 2016

PROFISSÃO PROFESSOR.

Profissão de Professor: Nóvoa Defende Formação Continuada em Seminario Realizado em Cerro Largo

30032016_SEMINARIO_FORMAO_CONTINUADA_NOVOADesafios, polémicas, dificuldades e Formas de viabilizar a Formação continuada eram OS Aspectos debatidos Durante Todo o II Seminário Macromissioneiro de Formação Continuada coordenado Cabelo Programa de Formação Continuada da UFFS - Campus Cerro Largo. O Evento, Realizado na quarta-feira (30), reuniu cerca de 600 Profissionais da Educação de Toda a Região, Além de licenciandos e Professores do Ensino Superior, nenhuma Salão Paroquial, nenhuma Centro da Cidade.

Na Oportunidade foi lançado o Livro "Formação Continuada Macromissioneira", que Teve Uma Participação de 77 Autores Ligados à Educação e foi resultado dos Trabalhos Realizados Pelo Programa, Que Já VEM Sendo Pensado e Estruturado desde 2011. "Do Programa NÓS conseguimos Uma Produção do Livro que foi lançado Para toda a Região Além Disso, TEMOS uMA OUTRA Produção que ESTA QUASE finalizada:.. e um e-book COM Textos Diferentes dEste O livro Impresso TEM maïs de 70 Autores e, Nenhum e-book, TEMOS Produções de 700 Professores da Região ", afirmou hum dos organizadores do Livro e Coordenador do Programa, Luis Fernando Gastaldo.
A Profissão do Professor
O Seminário Contou com a Participação do Professor da Universidade de Lisboa, António Nóvoa, e da professora da UFRGS, Maria Beatriz Luce. Uma das ideias Centrais de Nóvoa E Que hum educador DEVE reconhecer Que Existe Uma Profissão de professor, com Conhecimento PRÓPRIO, em que "residem o Coração da Formação do Professor" e Que NÃO basta APENAS sabre História Paragrafo ensinar História UO sabre Matemática para ensinar Matemática , Por Exemplo. "Uma baseada Profissão de Professor E UMA Profissão nenhuma Conhecimento Que se desdobra de MUITAS Maneiras. E Um Conhecimento Científico, com certeza, das disciplinas de bases, mas e Um Conhecimento pedagógico, Psicológico, experiencial, que a VEM do Trabalho Que Estamos Fazendo. E TAMBÉM colaborativo, professor Que se Constrói com a Relação com NOSSOS sonhos. um E puro Conhecimento Profissão de, ENTÃO Faz SENTIDO ter Programas de Formação de Professores ", Argumenta o doutor em Ciências da Educação.
Luce Pará, o Programa de Formação Continuada Macromissioneira E UMA RESPOSTA uma Política Uma pública de Nível nacional que coloca Como Direito e exigencia Fazer e PARA O Exercício do Professor de Uma continuada Formação, Além de inserir a Formação continuada Como hum Ponto de Valorização dos Profissionais da Educação. O Plano Nacional de Ensino (PNE) TEM ORIGEM há Diagnóstico das Necessidades das Escolas, Que São caracterizadas de Fundamentos Como Uma Unidade, um TODO indivisível e insubstituível Dentro do Sistema Nacional de Educação. A pedagoga também Destaca O Processo Democrático em Que foi construido o Sistema: "é Importante reconhecermos ISSO Porque E UMA Política que articula Como Responsabilidades da União, do Poder Estadual, dos Poderes Municipais e das Escolas e Que foi construida com Uma Participação coletiva, prevendo na SUA Implementação de Participação da sociedade civil, dos Movimentos Sociais, das Entidades representativas dos Profissionais da Educação, dos sindicatos de docentes, das Associações de Pesquisadores, áreas Especialistas das Mais Diferentes do Conhecimento ".
O vice-reitor-da-UFFS, Antônio Andrioli, avaliou Que o Programa de Formação Continuada e Um Direito dos Profissionais Sendo posto em Ação. "Parece Óbvio Que tenhamos que Construir hum Programa para implementar algo Que ESTÁ instituído legalmente. Mas, as vezes, E Necessário Dizer OU Fazer o Que É Óbvio. Na Ciência, vezes MUITAS, é Isso Que TEMOS a destacar, ea UFFS assumiu Para Si Uma causa que merece Ser defendida justamente Porque E óbvia ", destacou Andrioli.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ORGANIZAÇÃO DA FEIRA INTERNACIONAL MISSIONEIRA.

Organização da Feira Internacional Missioneira, marcou participação da AMM na reunião dos 30 Povos Jesuítico-Guarani 15 de Agosto de 2017...