quarta-feira, 1 de junho de 2016

AMM -PONTE INTERNACIONACIONAL AUTORIDADES ARGENTINAS,

AMM se reúne com autoridades argentinas para tratar sobre a ponte internacional
01 de Junho de 2016
Dando seguimento às tratativas para obter o resultado do Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA) que vai apontar o melhor local para construção da ponte internacional entre Brasil e Argentina, a Associação dos Municípios das Missões (AMM) deu mais um importante passo para pressionar o governo brasileiro e argentino. Com este objetivo, foi realizada na terça-feira (31), na Câmara de Vereadores em Porto Xavier, uma reunião que contou com representantes dos dois países.
A partir deste encontro será formada uma comissão com membros dos dois países, que estarão lutando juntos pela ponte Porto Xavier/San Javier, em audiências com autoridades do Brasil e da Argentina, que já estão sendo agendadas.

Prefeito anfitrião, Paulo Sommer coordenou os trabalhos e reiterou que, conforme já foi manifestado pela diretoria executiva do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) durante audiência em Brasília, em maio de 2014, para uma comitiva liderada pela AMM, tecnicamente, Porto Xavier/San Javier é o melhor local para receber o empreendimento, de acordo com as características relatadas no EVTEA.

Decisão Política
Em nome dos 26 municípios missioneiros, Valdir Andres destacou a importância da integração entre os dois países já que, são mais de 40 anos à espera do resultado do estudo da ponte internacional, e o que falta é decisão política. “Com certeza, mediante a soma de esforços desta comissão composta por lideranças brasileiras e argentinas, aumentam nossas possibilidades de pressionarmos os dois governos para que, finalmente, divulguem o resultado oficial do Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental que, tecnicamente é favorável para que seja Porto Xavier/San Javier”, frisou Andres, que é prefeito de Santo Ângelo.

Os deputados Provinciais de Misiones Alfredo Schiavoni, Valter Molina e Mário Pegoraro, todos de Posadas, concordaram em integrar a comissão e providenciar as audiências do lado argentino. Também participaram da reunião assessor de gabinete da Prefeitura de San Javier, Hugo Carlos Diaz; o secretário do município de San Javier, Alberto Carlos Soto; o prefeito de São Luiz Gonzaga, Junaro Figueiredo; de Roque Gonzales, Sadi Ribas; o presidente da Comissão Empresarial Pró-Ponte, Wilson Pippi; o coordenador da Comissão Empresarial Pró-Ponte, Ovídio Kaiser; o secretário da Comissão Empresarial Pró-Ponte, Lino Pauli; o presidente da Câmara de Vereadores de Porto Xavier, Sérgio Alves, entres outras lideranças argentinas e brasileiras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

TEMPO BOM CIDADE VAZIA.

O Comércio de Cerro Largo terá mais uma semana  de pouco movimento, visto que os agricultores devem aproveitar o tempo firme e sol fort...