quarta-feira, 4 de maio de 2016

AMM E O PROJETO DE INTEGRAÇÃO DO TURISMO DAS MISSÕES.

Folheteria integrada do turismo brasileiro, argentino e paraguaio, ponte internacional, sinalização turística, estão entre as ações unificadas dos três países

Nos próximos dias 20 e 21 de maio na cidade paraguaia de San Ignácio Guazu representantes do Brasil, Argentina e Paraguai têm encontro marcado na Assembleia dos 30 Povos, para dar continuidade aos trabalhos do projeto de integração do turismo missioneiro.
O presidente da AMM/Funmissões, prefeito Valdir Andres e a diretora do Detur, prefeita Rosane Grabia, anunciaram que nestes dois dias a região das Missões estará presente com uma comitiva composta por prefeitos, secretários municipais de Turismo, e membros do setor privado. Na ocasião, será iniciada a formatação do folder unificado com a divulgação dos atrativos turísticos entre os três países.
Participação estratégica
A pauta de discussão deste encontro no Paraguai foram estabelecidas na Reunião da Região Internacional das Missões, realizada no último dia 29, no Tenondé Park Hotel em São Miguel das Missões, que é também considerada a segunda Reunião do Conselho Trinacional de Governos Missioneiros. Estiveram presentes lideranças do Brasil, do Departamento de Itapua (Paraguai), da Província de Misiones e Corientes (Argentina), entre outras localidades do Mercosul.
Do Rio Grande do Sul participaram secretários de Estado, deputados federais, estaduais, e dos 26 municípios da região das Missões, prefeitos, vice-prefeitos, primeiras-damas, secretários municipais de Turismo, imprensa, empresários, entre outros representantes do setor público e privado. Inclusive o governador dos gaúchos, José Ivo Sartori esteve em São Miguel e se comprometeu em contatar o presidente da Argentina, Maurício Macri, para agilizar o anúncio do local de instalação da ponte internacional entre Brasil e Argentina, independente da região que seja contemplada do lado brasileiro.
Tesouro histórico
A primeira parte dos trabalhos, que fez parte da programação de reinauguração do espetáculo Som e Luz, foi conduzida pela diretora do Departamento de Turismo (Detur) da Funmissões e prefeita de Sete de Setembro, Rosane Grabia. “Ficou visível em todos os debates que o turismo integrado internacional é possível e viável. Existe muita disposição dos três países de fazer com que as ações necessárias para isto sejam implementadas já a curto prazo. E a presença do governador Sartori fortaleceu ainda mais nossa luta em defesa do turismo missioneiro”, constatou a diretora do Detur, Rosane Grabia.
O encerramento da reunião ficou por conta do presidente da Associação dos Municípios das Missões e Fundação dos Municípios das Missões, Valdir Andres, que é prefeito de Santo Ângelo. Segundo ele, os três governos perceberam que a união de forças para incrementar o turismo fará a diferença e alavancará, em uma proporção significativa, o crescimento econômico das três regiões. “No momento em que as propostas discutidas em São Miguel das Missões saírem do papel e se tornarem realidade, poderemos acompanhar as mudanças positivas para todos os setores envolvidos com o turismo regional, especialmente a partir deste tesouro histórico que possuímos: a presença jesuítica e suas reduções na formação de nossa civilização”, reiterou o titular da AMM, Valdir Andres.
Deliberações dos três governos
Conforme decisão dos representantes dos três países, entre as principais ações integradas que já estão em andamento e serão retomadas no encontro em San Ignácio Guazu, dias 20 e 21 deste mês, destacam-se: 1) Folheteria integrada com a divulgação dos atrativos turísticos missioneiros, que se chamará “CIRCUITO INTERNACIONAL DAS MISSÕES JESUÍTICAS GUARANI; 2) A desburocratização de fronteiras, com a facilitação para passageiros de terceiros países, e unificação de critérios para ônibus; 3) Construção da ponte internacional Porto Xavier (Brasil)/San Javier (Argentina); 4) Conclusão do aeroporto regional Sepé Tiarajú, com projeto para posterior internacionalização; 5) Viabilização dos acessos asfálticos às Ruínas de São João Batista, São Lourenço e São Nicolau; 6) Construção de Centros de Informação ao Turista, e 7) Criação do Plano de Desenvolvimento e do Plano de Marketing Integrado entre as Missões dos respectivos países.
Agência Trinacional
A criação da Agência de Desenvolvimento Trinacional das Missões foi outra decisão que teve prioridade na Reunião Internacional em São Miguel. A proposta prevê que a Agência será estabelecida com o apoio dos governos estaduais, provinciais e departamentais e terá como missão fortalecer turística e culturalmente a área dos 30 Povos. Trabalhando com a temática “Missões voltando ao Esplendor”, deve incorporar a identidade cultural como recurso estratégico para o desenvolvimento sustentável.
Projeto do BID
Outro painel abordou a possibilidade de financiamento de um projeto unificado entre as Missões da Argentina, Brasil e Paraguai, pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Ficou acertado que os governos das Províncias de Missiones e Corrientes, na Argentina, Rio Grande do Su,l no Brasil e Departamento de Missiones, no Paraguai, vão trabalhar na elaboração do projeto e na viabilização do pedido de recursos. O governo Departamental de Itapua, do Paraguai, vai gerenciar a formalização do pleito junto à presidência da República do Paraguai.
História Missioneira nas Escolas
Entre os debates, decidiu-se também que se estudará a viabilidade de criação de leis comuns entre os municípios detentores dos 30 Povos das Missões. Além disso, serão somados esforços para que a história missioneira seja levada a todas as escolas de cada município dos 30 Povos e arredores. Inclusive, os integrantes da reunião vão em busca de apoio para o desenvolvimento do processo cultural e turístico em nível regional, estadual, provincial e departamental.
Ficou acertado ainda, que os participantes do encontro internacional em São Miguel das Missões vão divulgar todas as decisões aprovadas junto às autoridades públicas e privadas de suas localidades e região, de forma a envolver o máximo de pessoas no processo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

TEMPO BOM CIDADE VAZIA.

O Comércio de Cerro Largo terá mais uma semana  de pouco movimento, visto que os agricultores devem aproveitar o tempo firme e sol fort...