sábado, 17 de março de 2018

AMM PRESTIGIOU ABERTURA DA 10ª. EXPOSIÇÃO REGIONALD E ORQUÍDEAS DE CINEMA.


Cerro Largo-RS ,17 de Março de 2018
 Com mais de 400 plantas expostas, evento vai até amanhã (18), no Centro de Cultura em Santo Ângelo
A delicadeza das cores, a brandura dos formatos, a beleza exuberante, a suavidade das texturas levemente acetinadas, tudo isso em uma única flor: a orquídea. Todo este glamour tomou conta da abertura da 10ª Exposição Regional de Orquídeas de Cinema, realizada na tarde de sábado (17/3), no Centro de Cultura de Santo Ângelo, com mais de 400 plantas expostas. “Este é mais uma das iniciativas que exaltam os diversificados eventos missioneiros”, destacou o presidente da Associação dos Municípios das Missões (AMM) e prefeito de Entre-Ijuís, Brasil Antonio Sartori, que, representando os demais municípios, fez questão de prestigiar a exposição, acompanhado da primeira-dama, Iara de Aguiar Sartori, que é presidente da Associação das Primeiras-Damas das Missões.

A exposição, que acontece nos dias 17 e 18, é promovida pela Associação de Orquidófilos de Santo Ângelo (AOSA), Federação Gaúcha de Orquidófilos, com o apoio da Prefeitura Municipal. Na abertura oficial, o prefeito anfitrião, Jacques Barbosa, saudou os visitantes e parabenizou os membros da AOSA pela belíssima exposição, que evidencia o desenvolvimento cultural do município.

Com aproximadamente 100 expositores, vindos de cidades da região Noroeste e de outras regiões do Estado, a iniciativa integra o calendário de eventos alusivos aos 145 anos de emancipação político-administrativo de Santo Ângelo – a Capital das Missões. Conforme salientou a secretária municipal de Cultura, Neusa Cavalheiro, nesta edição, graças à parceria firmada entre a Secretaria, através do Museu Municipal do Cinema Vivaldo Prado, e AOSA, o tradicional evento trouxe como tema “Orquídeas de Cinema”. A exposição fica aberta ao público, hoje, até às 20h e amanhã (18), das 8h às 17h30.

ORQUÍDEAS
Como disse alguém, em algum lugar... “Orquídea, sua beleza é subjetiva, não se mostra ao primeiro olhar. Tem um certo mistério, é preciso apreciá-la para achá-la bela. É exótica, cresce agarrada a outras plantas sem prejudicá-las. Dá flores se o ambiente for de seu agrado. Voluntariosa, cheia de caprichos, está constantemente a nos dizer: faço as coisas do meu jeito”.

Por Karin Schmidt
Fonte: Assessora de Imprensa-AMM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PONTE BINACIONAL NA REGIÃO DAS MISSÕES JESUÍTICAS.

Região das missões jesuíticas contará com ponte binacional 14 de Fevereiro de 2019 Comitiva Região das Missões com Ministro do T...